Defensor público fala sobre lei de Inclusão da Pessoa com Deficiência em live da Escola de Medicina da UFMG

Por Assessoria de Comunicação em 21 de março de 2022

O defensor público de Minas Gerais, Luís Renato Braga Arêas Pinheiro, membro da Comissão Especial dos Direitos das Pessoas com Deficiência, da Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos (Anadep), concedeu entrevista ao Projeto Toxoplasmose na Palma da Mão, promovido pelo Centro de Tecnologia em Saúde (Cetes), da Escola de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

A entrevista aconteceu na quarta-feira (16/3) e foi transmitida pelo canal do Cetes no Youtube. (Para assistir, clique aqui)

Participou também a professora de Medicina da UFMG, Gláucia Andrade.

Em sua fala, o defensor público, que também é gestor do projeto Inclusão Verde Mundo – Rede em Proteção, da Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG), esclareceu aos profissionais de saúde os direitos de crianças e adolescentes com deficiências motora, cognitiva e visual e daquelas com sequelas da toxoplasmose congênita.


Luiz Renato Arêas citou aspectos da Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (13.146/2015), que em seu caráter procura assegurar e promover, em condições de igualdade, o exercício dos direitos e das liberdades fundamentais por pessoa com deficiência, visando à sua inclusão social e cidadania.

Compartilhar com:
Tags:

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS